Atos Negros

Conjurando...

Fazer Pacto

RITUAIS - 18 de agosto de 2021

Do sonho ao salto

Olá pessoas, eu sou a Delirium da Occulta Umbra, Atos Negros e Impérium Fortuna (sim, eu fui promovida). O tema dessa semana foi escolhido por um de nossos apoiadores e confesso, estava ansiosa por esse momento.

Meu momento chegou.

O tema são planos astrais, mas aqui eu falo sobre o salto, falo sobre sonhos lúcidos e viagens astrais.

A ideia de viagens astrais sendo acessadas via sonhos lúcidos não é algo novo, os maiores grupos sobre o assunto desde o falecido Orkut tratavam a respeito e o domínio da técnica ainda é uma habilidade muitíssimo útil entre ocultistas, e acredito, anda meio subestimada.

Um clássico dos cinemas que traz o tema é Inception, e foi exatamente neste filme que foi inserida a idéia de algo que apesar de conhecido por ocultistas era totalmente nova para a maioria, os chamados “Reality Checks”, que consistem basicamente em ações deliberadas e conscientes, pensadas a fim de trazer maior consciência corporal e te ancorar (o termo não é bem traduzido mas é descrito como “self awareness”, que pode ser traduzido literalmente como autoconsciente).
Uma série que traz isso de forma clara é o novo boom da internet “Behind Her Eyes”, onde são apresentados clássicos do reality check, como contar os dedos, observar relógios, olhar para espelhos e assim que se der conta procurar um corredor, uma porta, uma escada, um túnel, enfim, uma saída.

Pra quê isso?!

Os reality checks tem uma função, por mais idiota, tolo e repetitivo que possa parecer, realmente funciona. O processo deve ser repetido mais de 8 vezes ao dia, ví absurdos de pessoas fazerem a cada 15 minutos, mas não é necessário tanto. A ideia aqui é que se torne uma rotina e que uma bela hora vc se pegue fazendo isso durante o sonho e nesse momento a realidade venha à tona.

Tá, mas cadê a prática?!

Contando os dedos
Esse processo consiste em tocar cada um dos dedos, um de cada vez, sinta sua pele, sinta-se tocar cada um deles e se pergunte se está presente, sinta as alterações de pressão, temperatura enquanto o faz, um dedo de cada vez, uma mão de cada vez.

Olhar o relógio.
Se lembre da última vez que você viu que horas eram e se é coerente com sua última lembrança.

Observe espelhos.
Busque por espelhos se houver e observe se o que vê refletido corresponde com o que há atrás de você.

A frequência na execução dos reality checks vão fazer com que eles se tornem um hábito e que um belo dia você se pegue executando durante um sonho. A ideia é que ato te traga a consciência e você se perceba em um sonho lúcido.

Seu momento chegou.

Ao se perceber sonhando sua mente provavelmente te pregará peças, é comumente relatado alterações no mínimo assustadoras no momento em que você se dá conta que está sonhando, a dica aqui é, não entre em pânico, isso vai escalar as reações negativas do fato.

O salto.

Você se deu conta que está num sonho?! Procure uma saída.
Esse é o momento do salto, onde você parte de um sonho para uma projeção astral.
A saída normalmente se apresenta como um caminho que leva a algum lugar, uma porta, um corredor, uma escadaria, um túnel, um elevador.
Então, ao encontrar sua saída, entre.

O processo pode falhar de início, pode ser mais complicado do que parece (e de fato é). Mas para quem deseja desenvolver essa habilidade o método é bem funcional.

Então, vai lá e conta pra gente.


GOSTOU DESSE CONTEÚDO? QUER VER MAIS SOBRE ISSO OU SOBRE UM ASSUNTO DE SUA ESCOLHA? SEJA UM APOIADOR DO PORTAL E VEJA AS VANTAGENS, CLIQUE NO LINK PARA SABER MAIS

VOCÊ TAMBÉM PODE APLAUDIR ESSA MATÉRIA FAZENDO UM PIX PARA: [email protected]

A COLABORAÇÃO DE VOCÊS GARANTE QUE SEMPRE TEREMOS NOVO MATERIAL DIARIAMENTE.